Limpeza sustentável: faça seu próprio sabão em pó e detergente

Sabia que muitos produtos de limpeza não são obrigados, por lei, a serem biodegradáveis? Pensando nisto, separamos algumas receitas simples e que podem também te ajudar a economizar na limpeza.

Começamos pelo sabão líquido!

Ingredientes

  • – 1 sabão em pedra, de coco ou outro favorito.
  • – 3 colheres de sopa de bicarbonato de sódio
  • – 1 panela grande
  • – 1 ralador
  • – 1 filtro ou peneira
  • – 3 litros de água
  • – Óleo de essência de limão ou outro aroma que prefira

Modo de preparo

Rale de 35 a 40 gramas do sabão. Em seguida, esquente um litro de água na panela e adicione as raspas. Quando as raspas se dissolverem, junte três colheres de sopa de bicarbonato de sódio e misture, deixando descansar por uma hora. Após isso acrescente um litro de água morna e passe a mistura por um filtro ou peneira fina para retirar os pedaços não dissolvidos. Feito isso, aplique dez gotas de óleo de essência de limão ou outro de sua preferência e junte com um litro de água fria.

Realizado o procedimento, agite bem a mistura. Deixe descansando mais um pouco e divida em potes menores para utilizar na lavagem de roupas com a máquina. Pronto!

Agora, faça seu próprio detergente!

have-the-courage-to-follow-your-heart-intuition-they-somehow-already-know-what-you-truly-want-to-become-Steve-Jobs-about-courage-life-self

Ingredientes:

  • 1 sabão em pedra de coco (200g)
  • 3 colheres de sopa de bicarbonato de sódio (42g)
  • 3 litros de água
  • Álcool (50ml)
  • Óleo essencial  de sua preferência (10ml)

 

Materiais

  • 1 panela grande
  • 1 ralador
  • Recipientes para armazenagem

Modo de preparo

Rale as 200 gramas do sabão de coco. Em seguida, esquente 3 litros de água na panela e adicione as raspas. Quando as raspas se dissolverem, adicione três colheres de sopa de bicarbonato de sódio, 50ml de álcool e 10ml do óleo essencial. Misture bem por 5 min e deixando descansar por uma hora. Pegue recipientes limpos e divida o sabão entre eles.

O sabão líquido caseiro, além de não ser tão poluente, chega a ser mais barato que os produtos comercializados e rende muito mais.

Via Ecycle.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *