Vela de Casca de Laranja

Esse DIY, originalmente publicado no Honestly… WTF, fez o maior sucesso na semana passada e apareceu em vários craft blogs mundo afora. É possível que que alguém por aí já tenha visto fotos (ou mesmo o tutorial completo) em outros lugares, mas achei válido fazer minha própria tentativa e publicar o passo-a-passo por aqui também. Afinal, a ideia de fazer velas usando cascas de bergamota (mexerica, ponkan, ou seja lá como se chama) é tão simples, inteligente e elegante que merece ser muito divulgada. Além do mais, fiz algumas adaptações e esclareci coisinhas que não entendi de primeira a partir das fotos e textos do Honestly… WTF, pra facilitar a vida de quem também quiser fazer a experiência!

(1) Os materiais necessários para esse projeto são super simples: faca, colher, bergamota e óleo vegetal ou azeite de oliva (que ficaram de fora da foto aí de cima, sorry!) O grande truque para fazer as velas consiste em cortar 2/3 da casca na bergamota – conforme a foto (3) – e atentar para o fato de que a extremidade do caule é a que deve ser mantida para que o “pavio” natural seja preservado. Na foto (2), fiz um corte maior pra tentar mostrar como fica a parte interna da casca. Na foto (4), também tentei deixar claro como fica o corte na outra extremidade da bergamota, que provavelmente será furada ou rasgada quando vocês retirarem a casca.

(5) Na sequência, basta desgrudar a casca dos gomos da bergamota usando os dedos ou com a ajuda de uma colher para alcançar as partes mais difíceis. Na foto (6), aparece como a casca deve ficar depois de todo o processo e, mais uma vez, o pavio em detalhe. (7) Em seguida, é hora de colocar óleo vegetal ou azeite dentro da casca da laranja. O tutorial do Honestly… WTF sugere azeite e eu quis tentar com óleo vegetal pra saber se o material (mais barato) compromete o cheiro da vela. Juro que não senti cheiro de nada: nem de óleo queimado, nem um leve aroma de laranja que eu pensei que fosse possível sentir. (8) Depois que o óleo tiver penetrado na casca da bergamota, a vela está pronta para ser acesa! Se a casca estiver úmida, pode ser um pouco difícil acender o pavio. Por isso, é válido deixar a casca secar de um dia para o outro (sem o óleo, ok?)

E aí está a vela pronta e acesa, capaz de queimar por até duas horas!! É ou não é o DIY perfeito? Acho que esse projeto só perde para o cartão-presente-ovo no quesito “coisa incrível feita de lixo orgânico doméstico”. Depois dessa descoberta tenho certeza de que nunca mais vou precisar comprar velas de cera na vida (especialmente porque sou viciada em bergamotas e, desde o dia em que vi esse tutorial pela primeira vez, já acumulei tantas cascas secas que nem tenho mais como guardar tudo!)

Link

11 respostas para “Vela de Casca de Laranja”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *