Pais de garoto adotado criam página contra preconceito

Um casal carioca, indignado e cansado de situações racistas contra seu filho negro, de apenas 7 anos, resolveu criar uma página no Facebook contra o racismo. A página, “Preconceito racial não é mal-entendido! É crime!”, já ultrapassou 20 mil seguidores em apenas 5 dias, desde a sua criação.

Na rede, a mãe relata que o casal e o filho já passaram por algumas situações de preconceito, porém, o medo de expor a criança fez com que eles deixassem o assunto de lado.

Mas, no dia 12 de janeiro, a criança foi expulsa de uma concessionária BMW, enquanto os pais olhavam os carros. Na página, a mãe relata que deixou o pequeno vendo televisão em um sofá enquanto falavam com o gerente. Quando a criança foi se aproximar, o mesmo reagiu mandando que ele se retirasse imediatamente do local:

“Você não pode ficar aqui dentro. Aqui não é lugar para você. Saia da loja”, teria dito o gerente da concessionária, segundo relato do casal. Quando questionado do por que da atitude o gerente respondeu: “Porque eles pedem dinheiro, incomodam os clientes. Tem que tirar esses meninos da loja.”

Em resposta a situação a empresa BMW disse não passar de um mal-entendido. Revoltado, o casal criou a página para mobilizar outras pessoas em torno da causa. Ajude você também, compartilhe o caso com seus  amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *