Contribuir com a redução da poluição: um dever de todos

Dia 14 de Agosto é o Dia de Combate à Poluição. Essa mesma, que lidamos diariamente e muitas vezes, acostumados, sequer damos conta. Você sabe a quantidade de lixo que pode chegar a produzir em uma semana? Aqui você confere a resposta surpreendente.

A poluição acontece naquele córrego, onde muitas pessoas despejam lixo. Nas inúmeras bitucas de cigarro que as pessoas jogam na rua sem nem perceber. A poluição também está presente de outras formas, como no escape dos carros, proveniente das indústrias, dos aterros sanitários lotados, da falta de coleta seletiva. Ufa!

Uma cena comum, não é mesmo?
Uma cena comum, não é mesmo?

O aquecimento global, resultante da poluição da camada de ozônio é reflexo de como estamos utilizando a tecnologia. Carros e mais carros, uma produção incrível de lixo que não é reaproveitado. E isso que ainda temos “sorte”, pois na China, a situação já está feia: a combinação entre a enorme quantidade de pessoas (e veículos), a economia industrial e a matriz energética baseada em carvão resultou em cidades chinesas que, em determinadas épocas, chegam a concentrar um nível de partículas nocivas de fuligem até 30 vezes o número recomendado pela OMS (Organização Mundial de Saúde).

pôr-do-sol na China. Triste.
pôr-do-sol na China. Triste.

É fácil pensar “ah, o que eu posso fazer sozinho(a)?”

Não podemos nos reduzir a tão pouco, fora que, os bons hábitos já ensinados em casa para seus filhos faz grande diferença. Comunidades inteiras podem se reunir para separar o lixo e levar até cooperativas. Vamos listar algumas ações que, se espalhadas, podem resultar em uma força maior contra a destruição do meio ambiente.

-Diminuir o uso de combustíveis fósseis (gasolina, diesel, querosene): muitas pessoas já estão optando por gás natural, trocando o carro por bicicleta. Já existe também o Dia Mundial Sem Carro, que tal experimentar mais que um dia apenas?

Poluição-transito

– Colaborar para o sistema de reciclagem. Você pode encontrar locais de coleta neste link ou cooperativas de catadores de lixo aqui.

– Recuperação do gás metano nos aterros sanitários.

– Usar ao máximo a iluminação natural dentro dos ambientes domésticos.

– Não desmatar florestas. Pelo contrário, deve-se plantar mais árvores como forma de diminuir a poluição do ar. Sistemas inovadores vêm sendo criados com plantas para despoluir rios e cidades.

O caminho é árduo, mas recompensador. Afinal, é da nossa casa que estamos falando!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *